Notícias e Variedades de Macaé
Início » Vida » Comportamento » Desapegar para se organizar

Desapegar para se organizar

qua, 25/03/2020 - 11:33 -- Leila Pinho
Categoria: 
Créditos: 
Alle Tavares
organização

Na atarefada vida moderna, parece sobrar cada vez menos tempo para dar aquela arrumada na casa. Então, as coisas se acumulam e a bagunça toma conta dos espaços, tornando uma simples procura por uma chave algo difícil de solucionar. A necessidade de fazer uma faxina e colocar tudo em seu devido lugar está ganhando um incentivo com o sucesso de Marie Kondo, a guru japonesa da organização que já vendeu milhões de livros sobre seu método KonMari e é sucesso com a série “Ordem na Casa”, da Netflix.

Cabide com roupas
Para entender os impactos que a ordenação pode causar na vida das famílias, a equipe de reportagem da DiverCidades buscou duas experiências de quem viveu a mudança e o conhecimento de profissionais que trabalham com esse tema.

 

A empresária Tânia Reis Lichtenfels Ribeiro, de 41 anos, mora com o marido e os dois filhos, os gêmeos Bernardo e Gustavo, de 10 anos. Ela viu sua rotina de vida se alterar bruscamente quando perdeu o emprego em agosto de 2017 e precisou rever os costumes da família. Ela teve que dispensar uma empregada e adotar novos hábitos. “Foi difícil. Mudei a cultura da minha casa e determinei que todo mundo teria uma função... Os meninos lavam a louça, arrumam o quarto e por aí vai”, recorda.

família organizando
Na intenção de manter os novos hábitos em 2019, Tânia entendeu que era importante ensinar os meninos a arrumarem o próprio guarda-roupa e se deparou com um dilema. “Eu procurei a Tamara pra arrumar o guarda-roupa dos meninos que era muito bagunçado, mas aí me dei conta de que o meu armário também era uma zona”, fala aos risos.

Começamos pelo guarda-roupa da Tânia, colocamos tudo em cima da cama empilhado para que ela visse tudo o que tinha”, explica a personal stylist e organizer Tamara Toledo Nunes. “Aquilo mexeu comigo. Eu nunca me achei uma pessoa apegada, mas tiramos umas sete sacolas cheias de desapegos. Tinha bolsas que eu usei uma vez só na vida”, conta Tânia.
Durante o processo de organização, Tânia foi lembrando de detalhes sobre cada peça que tinha e se conscientizando de que possuía muitas coisas que não necessitava. Para ela, a parte mais difícil foi desapegar das coisas que ela herdou da mãe (falecida há 7 anos). “Minha mãe era muito querida e consumista também. Ela era acumuladora e eu nunca achei que eu fosse. Mas quando eu vi aquele monte de coisas, fiquei me perguntando: será que estou me tornando também? Fiquei triste quando vi que coisas que eram da minha mãe estragaram. Pensei: olha quanta energia parada. Outras pessoas poderiam ter usado isso”, reflete a empresária.

Tamara ToledoDo guarda-roupa da mãe, Tamara partiu para o dos gêmeos. “Eles tinham muita coisa antiga, como uma mala de quando eram bebês. Junto com eles, nós organizamos tudo, setorizamos as roupas de esporte e eles desapegaram de muitos itens”, conta Tamara.
A personal stylist e organizer explica que praticar o desapego é essencial para organizar. Para refletir sobre se um item deve ou não ser doado, ela indica fazer duas perguntas: “Porque eu tenho esse item? Há quanto tempo eu não uso isso? A Tânia, por exemplo, tinha três vestidos de festa que não usava. Ela desapegou de todos”, cita.
Segundo Tamara, a organização do guarda-roupa é capaz de tornar o dia a dia mais leve. “Só tem benefícios. Primeiro, a pessoa ganha tempo ao se arrumar, porque acha tudo com facilidade e, segundo, não fica estressada, porque está tudo no seu devido lugar”, fala a organizer.

A empresária Silvia Almeida, de 38 anos, buscou o auxílio de uma personal organizer porque precisava de praticidade. “Eu tenho uma rotina de trabalho puxada e um filho pequeno, não dá pra ficar perdendo tempo procurando algo. Sempre fui organizada, mas não tinha muita noção do que poderia ser mais prático pro meu dia a dia”, comenta.

Silvia AlmeidaHá cerca de 3 anos, a empresária mudou de casa. Na moradia anterior, ela tinha menos espaço para guardar coisas de uso pessoal e, na nova casa, ganhou um closet espaçoso. Ela pensou que, com mais espaço, fosse mais fácil achar as coisas, mas se enganou. “Continuei com dificuldade e aí pensei, tem alguma coisa errada. Foi quando chamei a Janaína”, recorda Silvia.
A personal organizer Janaína Souza organizou o closet de Silvia em 2017. “Ela tinha muitos itens de bebê que estavam ocupando muito espaço e faltava espaço para outras coisas. Nós organizamos e otimizamos os espaços”, explica.  A organizer mostrou para Silvia e a funcionária dela, como dobrar e guardar as roupas e acomodou vários itens de forma a aproveitar bem os espaços. Assim como Tania, Silvia também separou vários itens para desapego.
Para Silvia, o maior ganho da arrumação foi a redução do estresse. “Isso é fato. Também gera uma economia de tempo. Não perder tempo para achar o que eu preciso foi o que mais mudou. A minha preocupação maior não era com a estética e sim com a praticidade”, conta Silvia. Além de entender melhor como organizar cada coisa no closet, Silvia recebeu dicas sobre a conservação das peças. “A Janaína me mostrou como eu posso guardar uma bota de couro de cano alto, por exemplo”, comenta.

Janaina
Conforme esclarece a organizer Janaína, a organização gera impacto na qualidade de vida da família. “A pessoa se estressa menos porque encontra tudo fácil no lugar e passa a ter mais tempo para a família. Isso sem contar na economia de dinheiro, porque quando as coisas não estão organizadas, você não acha algumas delas, se esquece do que tem e acaba comprando algo que já possui”, completa.

Texto Leila Pinho

Links com dicas de organização

Organizar colares, brincos e pulseiras

Organização do guarda-roupa

Tatiana Personal Organizer

Tamara Toledo

Janaina Souza

 

 

Comentar

Seu comentário será liberado pelo administrador. Informe-se sobre as regras de moderação de comentários no Termo de uso.
CAPTCHA
Resolva a soma abaixo por questões de segurança
1 + 14 =
Solve this simple math problem and enter the result. E.g. for 1+3, enter 4.