Notícias e Variedades de Macaé
Início » Lazer » Gastronomia » A coxinha de galinha da Família Ferreira

A coxinha de galinha da Família Ferreira

sex, 04/09/2020 - 14:39 -- Alice Cordeiro
Categoria: 
Créditos: 
Alle Tavares
Célia, Juliana, Edison e Débora revelam os segredos da coxinha de galinha criada há 39 anos

Edição nº 35 - Set/2015

Unanimidade nacional, a coxinha de galinha é um dos salgadinhos mais desejados,seja nas lanchonetes, padarias, botecos ou nas festas. Mesmo em casamentos mais sofisticados, elas figuram com toque retô entre as atrações gastronômicas. Apesar do sucesso, a receita tradicional não agradava a empresaria Célia Maria Barbosa Ferreira, 65 anos, que, ao abrir sua primeira lanchonete no Rio de Janeiro, em 1976, decidiu modificá-la. Assim nasceu um dos salgados mais vendidos na lanchonete Buraco da Fechadura, inaugurada em 1979 na Galeria Carapebus, no Centro de Macaé.

dona céliaAs receitas tradicionais tinham muita massa e pouco recheio. Por isso, criei uma massa sem batatas e elaborei um recheio de frango simples, mas muito saboroso”, conta, ressaltando que utiliza apenas o peito do frango – desfiado artesanalmente - para o recheio.

Natural de Campos dos Goytacazes, Célia cresceu sem precisar preparar nada na cozinha. Apenas quando abriu a lanchonete em sociedade com seu marido Edison Ferreira,começou a frequentar o ambiente. Apesar disso, os dons culinários afloraram e Célia se revelou uma cozinheira de mão cheia. “Quando vou à casa de um familiar acabo indo para a cozinha, pois eles sempre pedem para comer algo, seja a coxinha, a farofa ou a tortinha de limão. E eu adoro estar na cozinha, é o meu lugar predileto da casa”, revela.

Fãs número um da empresária, as filhas Juliana e Débora não escondem o fascínio pelo dom da mãe. As duas enumeram os diferentes tipos de receita que, além de agradar aos familiares, fazem parte da cultura macaense. “Todas as receitas da loja foram criadas por ela. É comum encontrar amigos de infância que, sempre que podem, comem algum quitute. Um dia desses uma cliente disse que estava há anos sem vir à Macaé e que não podia ir embora sem comer a coxinha. Ela trouxe o marido e o filho para provarem o salgado que fez parte de sua infância e atestou que o sabor continua o mesmo”, conta Juliana.

Nossa mãe é muito cuidadosa com todas as receitas que cria. O incrível é que ela faz tudo de cabeça, seja criando alguma receita ou fazendo adaptações. Por isso as coisas ficam tão saborosas e especiais”, destaca Débora.

A receita da coxinha de galinha tem um valor afetivo muito grande para nós duas. Ela fez parte da nossa infância. Lembro que usávamos a massa como massa de modelar e, na adolescência, contávamos os dias para chegar as sextas-feiras, pois era quando podíamos saboreá-las” , lembra Juliana.

Revelar a receita do carro chefe da empresa, não assusta a família. “Não tenho receio de passar a receita, pois o segredo maior está na forma com que faço e no amor que tenho ao criar cada item do nosso cardápio”, finaliza Célia, acrescentando que o sabor fica ainda melhor se o salgado for consumido puro, sem azeite e sem ketchup, e se for servido bem quentinho.

cozinha de galinha

Coxinha de galinha da Célia

Massa

Ingredientes:
2 copos americanos de trigo
2 copos americanos de água
sal a gosto (cerca de 1 colher rasa de chá)
1 colher sopa generosa de manteiga
1 pitada de colorau, apenas para dar cor à massa.

Preparo

Levar todos os ingredientes em uma panela funda e grossa em fogo baixo, mexer bem até soltar da panela, resultando em uma massa lisa e uniforme. É preciso mexer sem parar e com força, para não queimar. Jogar a massa ainda quente em uma superfície plana, como um mármore, untada com manteiga. Sovar a massa com a ajuda de um batedor. Separa a massa em três partes pra facilitar o manuseio. Trabalhar com a massa ainda quente ou morna.

Recheio

2 kg de peito de frango
2 colheres de sopa de manteiga
2 cebolas grandes picadas bem pequenas

Preparo

Cozinhe o filé de frango em água com sal e desfie bem, de preferência com as mãos.
Derreta a manteiga e acrescente a cebola picada até ficar transparente. Junte o frango e refogue.

Como montar

Abra a massa com um rolo e utilize a boca de um copo para base de cada coxinha. Utilize a palma da mão como base para abrir a massa e acomodar o recheio.  Depois de recheado, junte as pontas da massa e feche a coxinha com as pontas do dedo até formar um biquinho não muito grosso.

Empanar

1 clara
Farinha de rosca

Depois de pronta, passe as coxinhasna clara de ovo e depois na farinha de rosca para empanar.

Frite em óleo não muito quente e sirva quentinha.

 

Assista o vídeo abaixo e veja detalhes de como rechear a coxinha!

Comentar

Seu comentário será liberado pelo administrador. Informe-se sobre as regras de moderação de comentários no Termo de uso.
CAPTCHA
Resolva a soma abaixo por questões de segurança
6 + 8 =
Solve this simple math problem and enter the result. E.g. for 1+3, enter 4.