Notícias e Variedades de Macaé
Início » Comment » Link permanente de comentário » Comentar

Comentar

Concurso de música amador agita noites macaense

seg, 17/09/2018 - 10:02 -- Alysson Nogueira
Categoria: 
Créditos: 
Foto: Milena Kroll
mulher cantando

Uma competição reunindo um time de cantores amadores está movimentando a noite de uma choperia no Shopping Plaza Macaé. O concurso musical “Papo Fest” surgiu em Rio das Ostras, depois de um evento semelhante. Um dos organizadores, Guilherme Kroll, explica que a ideia veio para despertar o desejo de qualquer pessoa a soltar a voz. “Por que não um concurso onde as pessoas pudessem cantar? A gente queria propor um algo a mais nas noites de Macaé. Acho que estamos conseguindo e está dando super certo.”, conta.

 

As audições acontecem sempre às quartas-feiras a partir das 20h. Ao todo foram 39 inscritos na competição. Os músicos amadores se apresentam divididos em grupos de 10 candidatos. Na primeira fase de eliminação, um candidato deixa a competição. Já na segunda fase serão eliminados dois concorrentes, e assim por diante até a grande final marcada para o dia 19 dezembro. Logo na primeira noite foi possível acompanhar de tudo, desde o famoso samba de raíz até os maiores sucesso da música internacional. A qualidade dos concorrentes é algo que está surpreendendo o público. O time de jurados muda a cada noite de eliminação. Segundo os organizadores, essa medida ajuda para não criar vínculos com os candidatos. Já passaram pelo concursos os artistas Bira Belo, Andreia Martins e Robson Fará.

 

Um dos concorrentes do “Papo Fest”, Aldo Lopes diz que o concurso incentiva a cultura e traz inúmeras oportunidades. Aldo já passou por duas audições e segue firme na disputa. Na sua última apresentação, ele escolheu a música “Lama Nas Ruas”, composição de Zeca Pagodinho e Almir Guineto em homenagem ao seu avô, o que levou o público a emoção. Os jurados consideram a canção com um alto grau de dificuldade. “Não é só incentivar a cultura da cidade, mas também dá a visibilidade para nós. Nossa população é carentes de cultura. Acho válido ter essa oportunidade para artistas locais.”, finaliza Aldo.

 

Seu comentário será liberado pelo administrador. Informe-se sobre as regras de moderação de comentários no Termo de uso.
CAPTCHA
Resolva a soma abaixo por questões de segurança
1 + 14 =
Solve this simple math problem and enter the result. E.g. for 1+3, enter 4.